14/11/2016

Haja poesia !



Ex vi legis

O melhor poema nunca será publicado
Ele esgotará o tema para que o mundo foi criado.

 A amontoar palavras andamos deslumbrados
 Para sermos submetidos ao pó dos condenados

Aos gritos de coragem terás surdos ouvidos
Cantemos alegrias na cave dos gemidos!


Por força da lei!
.
®- José Da Costa velho

Mudanças nos USA . Elefantes dominam todo o estado !

 Agora basta desdizer o discurso de campanha !

30/09/2016

Setembro é Outono uma estação suave !



VINDIMA
Que matizado
O fascínio do vinhedo 
Vou pelo campo ver a novel pintura 
Ai esta luz que aconchega o enredo …
De ternura .
Força braçal.
Delicadeza
Assaz destreza 
Há pelo Outono, encanto e fantasia 
Há tanto enlevo 
Que me canta o dia !
O que vai para lá do pôr-do-sol 
Não o adivinhas 
Há um odor inebriante nas vindimas.
José Da Costa Velho


28/08/2016

AGOSTO... Um mês abrazador no nosso paralelo ! Salvou-nos os amigos e a poesia !



Mar e poesia ###
Há sonhos que morrem na alvorada do dia,
 outros, num arrojo, contrariam a caminhada mais sombria!
"Curtas, no Amor 
 Foram as minhas estadias
Nunca fui capaz de ser camaleão.
Ígneos, olhares
Num flamejante
Podem em mim esmaecer as cores
Mas trai-las não ! "
J/CVelho
@-Pauta das contradições #
21ª. do Rol
 


31/07/2016

JULHO 2016 É Festa da " Benção do gado em Riachos" !

A festa da bênção do gado 

 realiza-se de quatro em quatro anos ...
- Alusiva a uma lenda de religiosidade campesina, a povoação torna-se um museu vivo 

durante uma semana !











25/06/2016

JUNHO- Festas populares * Desporto e Poesia



A terra o dá

Eu sou, ou serei quem?
Nem mesmo sei se sou
Querer-me assim, errante…
Permaneço onde estou
Austero
Caminhante

O mundo se transforma …
Nem tudo tem ou está
Onde sempre estivesse
Esteve e estará.


Tu mudas e mudas-te,
Tal como Eu mudei
Alguma vez
Por certo para Ti me alterei
Ah se tu me provocaste!
Respondi ao apelo
Não negarei.

Porque será que insistes
 o meu mundo mudar
Se a Tua paz e a Minha
Tem Terra é menos mar .







  José Da Costa Velho

[ Folhas  em solstícios ]